Doentes crônicos devem manter acompanhamento nas unidades de saúde

doentes-cronicosDoentes crônicos devem manter acompanhamento

 

A Secretaria Municipal da Saúde de Curitiba reforça a necessidade para que os pacientes com doenças crônicas, como hipertensão, diabetes, entre outras, mantenham o acompanhamento de saúde, mesmo em tempos de pandemia e isolamento social. Em Curitiba, 74 unidades básicas de saúde funcionam para o atendimento desses pacientes.

“Não podemos cuidar da covid-19 e descuidar das demais doenças. Doenças do coração, por exemplo, são uma das principais causas de morte no mundo e para evitar as fatalidades precisamos trabalhar na prevenção e no acompanhamento dos quadros de saúde desses pacientes”, explica a secretária municipal da saúde de Curitiba, Márcia Huçulak.

Além do acompanhamento a doentes crônicos, deve ser mantido normalmente o pré-natal das gestantes, nas 74 unidades de saúde de referência.

A secretária reforça que, com a pandemia, Curitiba reorganizou o sistema de saúde para atender os pacientes com sintomas respiratórios, com suspeita de covid-19, num fluxo separado, e evitar o risco de contaminação dos demais pacientes. Quando o paciente chega a uma das 74 unidades básicas em funcionamento na cidade, ele é direcionado, já na entrada, para um dos dois fluxos, separadamente. 

Madalena de Souza, de 72 anos, tem diabetes e hipertensão. Faz acompanhamento na unidade de saúde Tapajós há mais de 15 anos, mas com a pandemia chegou a ficar em dúvida como deveria proceder e deixou de ir à unidade de saúde.

“Mas o pessoal da unidade veio atrás de mim. Agora já fiz consulta, estou com exames marcados, tudo certinho. Me sinto cuidada e segura, quando vou na unidade, porque está tudo separadinho”, conta.  

Márcia orienta que, embora a indicação para que as gestantes e os doentes crônicos não deixem de fazer o acompanhamento nas unidades de saúde, este não é o momento para demais pacientes saudáveis marcarem consultas eletivas (agendadas e sem urgência) e check-ups.

“Os check-ups podem aguardar passar esse momento crítico da pandemia”, orienta a secretária da Saúde.  

Medicamentos 

Considerando a reorganização do sistema de saúde para o momento de pandemia, as receitas de medicamentos de uso contínuo foram renovadas automaticamente por mais 90 dias. Para usuários a partir de 70 anos ou com qualquer condição crônica, a entrega dos medicamentos pode ser feita a algum familiar na unidade de saúde de referência. Em caso de necessidade, pode haver também entrega domiciliar. Materiais para curativo e bolsas de colostomia seguem a mesma lógica.

Vacinas 

Além do acompanhamento dos doentes crônicos e gestantes, a secretaria também reforça que outras 11 unidades de saúde de Curitiba estão abertas exclusivamente para a realização de vacinas do Calendário Nacional de Imunização.

“Dezenas de doenças podem ser evitadas com simples vacinas. Essas unidades estão abertas exclusivamente para isso, o que minimiza riscos de contaminação. Precisamos que a população não deixe de se proteger e imunizar”, diz Márcia. 

Além das vacinas do Calendário Nacional de Imunização, a Secretaria Municipal da Saúde de Curitiba divulga periodicamente informações sobre a campanha nacional de vacinação contra a gripe. Neste momento, a vacina contra a influenza está sendo realizada nas 11 unidades de vacinação para crianças entre 6 meses e menores de 6 anos, gestantes e puérperas (mães que tiveram bebês até 45 dias). 

Além disso, há dez pontos externos (veja abaixo) para a vacinação disponíveis para os demais públicos: pessoas acima de 55 anos, profissionais de saúde, doentes crônicos, transplantados, imunossuprimidos, motoristas e cobradores, caminhoneiros, professores e pessoas com deficiência.  

 

Pontos externos de vacinação contra a gripe

Regional BOA VISTA (9h às 17h)

Paróquia São João Batista - Rua Guilherme Ilhenfeldt, 1040 bairro – Tingui

Regional BAIRRO NOVO (9h às 17h)

Centro de Esporte e Lazer Bairro Novo (Ginásio Bairro Novo) - Rua Ourizona 1681 - Sítio Cercado

Regional BOQUEIRÃO (9h às 17h)

Rua da Cidadania do Carmo - quadra esportiva - Av. Mal. Floriano Peixoto, 8430 – Boqueirão

Regional CAJURU (9h às 17h)

Rua da Cidadania Cajuru - Av. Prefeito Maurício Fruet, 2.150 – Cajuru

Regional CIC (9h às 17h)

Paróquia São João Batista - Rua Luiz Tramontin, 2.570

Regional SANTA FELICIDADE (9h às 17h)

Rua da Cidadania de Santa Felicidade - Rua Santa Bertila Boscardin, 213

Regional MATRIZ (9h às 17h)

Praça Oswaldo Cruz - Praça Oswaldo Cruz, S/n – Centro

Regional PINHEIRINHO (9h às 17h)

Paróquia Santuário São José do Capão Raso - Rua Albino Vico, 32 - Capão Raso

Regional PORTÃO (9h às 17h)

Rua da Cidadania Fazendinha - quadra esportiva - Rua Carlos Klemtz, 1.700

Regional TATUQUARA (9h às 17h)

Rua da Cidadania Tatuquara - Rua Olivardo Konorski Bueno, 100