Universidade Saudável

Vida Saudável2002 foi marcado pelo lançamento do projeto "Universidade Saudável" mais uma política pública desenvolvida pela PMC para promover a saúde e melhorar a qualidade de vida de todos nós que vivemos nesta cidade.

Formular políticas públicas voltadas para a melhoria da qualidade de vida da população tem sido um compromisso assumido pela administração do prefeito Cássio Taniguchi.

Através do Programa Vida Saudável, um de seus Projetos-Âncora, a PMC vem desenvolvendo ações multi institucionais com o objetivo de estimular práticas saudáveis que promovam a saúde individual e coletiva na cidade.

A iniciativa de estimular a criação de ambientes saudáveis, como as universidades, locais de trabalho e escolas, é fruto de uma reflexão sobre os determinantes da saúde e da qualidade de vida na cidade, oportunizando ações voltadas para pessoas, mas também para os ambientes onde estas mesmas pessoas vivem, trabalham, estudam e se relacionam, criando, assim, uma rede de suporte para sustentação de opções e atitudes saudáveis.

Como estratégia para a condução da gestão pública das ações de promoção de saúde em Curitiba, a Prefeitura conclama então as Universidades da cidade para participarem do Projeto Universidade Saudável, oportunizando, desta forma, a construção de caminhos de participação, responsabilização e reconhecimento institucional por ações de promoção de saúde para a importante parcela da comunidade vinculada às Universidades.

Nossas Universidades têm se preocupado em promover a saúde de sua comunidade. Assim, a estratégia de estimular ainda mais ações de promoção de saúde nestes ambientes sociais tem o potencial de ampliar a contribuição das universidades através do reconhecimento público por seu compromisso com a vida e com a cidadania.

Universidades são instituições onde muitas pessoas vivem e experimentam diferentes aspectos de suas vidas: pessoas aprendem, trabalham, socializam e aproveitam seu tempo de lazer, além de, em muitos casos, utilizarem os serviços ali oferecidos. Universidades, portanto, têm um amplo potencial para proteger a saúde e promover a qualidade de vida de estudantes, professores, funcionários e a comunidade como um todo, através de suas políticas e práticas.

Universidades formam estudantes que são ou serão profissionais e formuladores de políticas com o potencial de influenciar as condições que afetam a saúde de pessoas. Através do desenvolvimento do currículo e de pesquisa, universidades podem ampliar o conhecimento e o comprometimento com a saúde de um vasto número de indivíduos, capacitados e educados em várias áreas de atuação. Sua ação comunitária dá oportunidade para a universidade servir de exemplo de boas práticas em relação à promoção da saúde e a usar sua influência em benefício da saúde e da vida coletiva.

Universidades, portanto, possuem um grande potencial para contribuir para a saúde em distintas áreas, quer seja:

  • criando ambientes de trabalho, aprendizagem e vivências saudáveis para estudantes e funcionários;
  • ampliando a importância da promoção da saúde e da saúde coletiva no ensino e na pesquisa;
  • desenvolvendo alianças para a promoção da saúde e atuação comunitária.

Os objetivos do Projeto Universidade Saudável em Curitiba, são :

  • promover e estimular políticas públicas voltadas para a promoção da saúde da comunidade vinculada às universidades;
  • sistematizar e difundir experiências - certificação pública "Universidade Saudável", fazer o reconhecimento público aos gestores por seu compromisso criação da rede curitibana de Universidades Saudáveis, o que certamente irá criar oportunidades para a construção coletiva de ações que realmente possam ter impacto positivo na saúde e qualidade de vida da população curitibana.