Notícias

  • Curitiba permite apresentações teatrais e musicais em espaços abertos

    Curitiba publica, nesta quarta-feira (22/9), o decreto municipal 1.550, que permite apresentações teatrais ou musical em espaços abertos, com o limite de até 5 mil pessoas, desde que seja observada a capacidade de ocupação de 60% do espaço. O público precisa estar obrigatoriamente sentado ou delimitado – o que significa que, se estiverem em pé, os grupos sociais de convivência precisarão estar separados com algum tipo de contenção e distanciamento entre eles.

    O decreto também estipula para estes eventos acesso restrito de pessoas com teste negativo PCR ou de antígeno para covid-19 realizado até 48 horas antes da data do início do evento. Além disso, proíbe a comercialização e consumo no local de alimentos e bebidas alcoólicas.

    A liberação acompanha diretrizes do decreto estadual 8.771, de 21 de setembro de 2021, para eventos em espaços abertos.

    O decreto municipal 1.550, ainda, mantém inalterado os demais dispositivos dos decretos municipais 1.210, 1.250, 1.340, 1.386, 1.420, 1.480 e 1.498, todos de 2021.

    Dessa forma, permanece válida a regra para eventos corporativos com ocupação de até 50% do previsto para o local, com acesso restrito de pessoas com teste negativo PCR ou de antígeno para covid-19 realizado até 48 horas antes da data do início do evento e condicionado ao cumprimento de protocolo específico da Secretaria Municipal da Saúde.

    Além disso, permanece a regra para a realização de eventos em casa de festas e recepções, com capacidade de ocupação de 50% do previsto para o local, desde que o número não exceda o limite de 1 mil pessoas.

    Leia mais...
  • Curitiba abre repescagem contínua nos pontos de vacinação anticovid

    A partir desta terça-feira (21/09), os pontos de vacina anticovid terão sempre doses disponíveis de repescagem para todos os grupos já convocados. As repescagens contínuas são referentes a primeira dose, segunda dose e dose de reforço.

    Primeira Dose
    A primeira dose estará disponível para todos com 18 anos ou mais que ainda não se vacinaram. A primeira dose também estará disponível para gestantes e puérperas (mães que tiveram filhos até 45 dias) que tenham 12 anos ou mais, com apresentação de declaração médica.

    Para receber a vacina de primeira dose, a Secretaria Municipal da Saúde a realização de cadastro antecipado na plataforma Saúde Já no site www.saudeja.curitiba.pr.gov.br ou pelo aplicativo do celular. O cadastro agiliza o processo da vacinação.

    Também é preciso apresentar um documento de identificação com foto e CPF. Além disso, é preciso apresentar comprovante de residência com endereço de Curitiba.

    Leia mais...
  • Prefeitura abre vacinação de adolescentes com comorbidade e deficiência na quinta-feira

    Curitiba abre na quinta-feira (23/09) a vacinação para os adolescentes nascidos entre 24 de setembro de 2003 e 23 de setembro de 2009, com deficiência severa e permanente. Além destes, serão vacinados também os adolescentes com comorbidades, nascidos a partir de 24 setembro de 2003 e em 2004 todo.

    A vacina estará disponível nesta data, para este grupo, em 22 pontos de vacinação, das 8h às 17h (veja a lista abaixo). Os pais e/ou responsáveis devem acompanhar o adolescente durante a vacinação, para a assinatura do termo de consentimento. A expectativa é vacinar 9 mil pessoas.

    Os adolescentes de 12 a 17 anos acamados também começarão a ser vacinados a partir de quarta-feira (22/9). A partir desta terça-feira (21/09), já será possível entrar em contato com a Central de Atendimento 3350-9000 para se inscrever, nos casos dos pacientes que não são acompanhados pelo SUS. Quem já é acompanhado, basta apenas aguardar o contato da equipe da unidade de saúde.

    Leia mais...
  • Cerca de 126 mil pessoas são esperadas para a 2ª dose nesta semana

    Nesta semana, cerca de 126 mil moradores de Curitiba que receberam a primeira dose da vacina anticovid são esperados nos pontos de vacinação para completar o ciclo de imunização com a segunda dose. Os locais da vacinação podem ser consultados no site ImunizaJáCuritiba.

    A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) lembra que todas as pessoas que, por alguma razão, perderam a data de aplicação da segunda dose marcada no aplicativo, podem procurar um dos pontos de vacinação para completarem o ciclo de imunização com a dose de reforço.

    Primeira dose
    Nesta segunda-feira (20/9) poderão receber a primeira dose da vacina anticovid gestantes e puérperas (que tiveram bebês até 45 dias) com 12 anos ou mais e com apresentação de declaração médica.

    Leia mais...
  • gestantes-vacinaSaúde convoca gestantes para antecipação da 2ª dose

    A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) está convocando gestantes para antecipação da segunda dose da vacina anticovid na próxima terça-feira (21/9). Devem voltar aos pontos de vacinação para concluir a imunização as gestantes que receberam a primeira aplicação da Pfizer entre os dias 26 de junho a 27 de agosto.

    Inicialmente, o retorno para receber a segunda dose deste grupo estava programado para acontecer em 22 de setembro até 19 de novembro. O grupo está sendo convocado por mensagem pelo aplicativo Saúde Já, que deverá ser apresentada na hora da vacinação.

    Ao todo, 1.722 mil mulheres terão a segunda dose antecipada na próxima terça-feira (21/9). O atendimento será feito em 22 pontos de vacinação abertos das 8h às 17h (lista abaixo).

    Leia mais...

Unidades de Saúde

Confira a lista de endereços dos equipamentos da SMS.

Saiba Mais

Orientação e Prevenção

Veja como ter uma vida saudável e manter hábitos de proteção da sua saúde.

saiba mais

Ouvidoria SUS Curitiba

Sugira, Critique, Elogie e tire suas duvidas. Conheça a Ouvidoria do SUS Curitiba.

Saiba Mais

 

Taxa de mortalidade infantil

 

taxaMortalidade1997-2018


Fonte: Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM); Sistema de Informação sobre Nascidos Vivos (SINASC)
Elaboração: SMS Curitiba - Centro de Epidemiologia/CEV
Nota: * dados preliminares

A Secretaria

  • Planejar e executar a política de saúde para o Município de Curitiba
  • Responsabilizar-se pela gestão e regulação dos serviços próprios e conveniados
  • Monitorar doenças e agravos
  • Realizar a vigilância sanitária sobre produtos e serviços de interesse da saúde
  • Visar uma população mais saudável